O que fazer quando o celular molhar?


O que fazer quando o celular molhar

Como utilizamos o celular diariamente e o levamos para todos os lugares acabamos correndo alguns riscos como, por exemplo, de deixá-lo cair em algum lugar molhado ou simplesmente ele ser molhado de forma totalmente acidental.

Independente de como essa situação ocorra é algo bastante desagradável e gera certa preocupação devido ao fato que poderá perder os seus dados, fotos, vídeos e demais arquivos pessoais caso perca o acesso pleno ao aparelho.

Em muitos casos o celular pode molhar devido a situações corriqueiras como levá-lo para o banheiro e deixa-lo cair dentro do vaso sanitário ou ainda ser pego desprevenidamente em uma tempestade.

Em qualquer uma dessas situações em que o seu aparelho possa molhar você deve manter a calma e agir rapidamente para poder recuperar o seu celular. Se você não sabe quais são as medidas iniciais recomendadas para se fazer em situações inesperadas como essas é só continuar comigo neste artigo, pois irei te apresentar as principais dicas a seguir quando seu celular molhar.

Dá para recuperar

Se o seu celular caiu em um ambiente molhado ou simplesmente foi atingido com algum líquido como uma bebida em cima de uma mesa de bar, por exemplo, a reação inesperada é de que você simplesmente perdeu o seu aparelho e acredita que não vai conseguir recuperá-lo de forma alguma.

Mas saiba que existe uma grande possibilidade de que consiga recuperá-lo, mas para isso você deve manter a calma e retirar o quanto antes do ambiente úmido para evitar que o líquido se prolifere ainda mais no interior do aparelho comprometendo as suas peças, se possível retire a bateria do celular e desligue ele imediatamente, pois liquido em circuitos elétricos não combinam de forma alguma.

Dessa forma leia com bastante atenção os próximos tópicos, pois irei te apresentar o que deverá fazer assim que o seu celular se tornar vítima de algum líquido.


Retire o celular da água

Assim que observar que o seu aparelho caiu dentro da água você deve tirá-lo o mais rapidamente possível. E como provavelmente ele deve estar ligado a medida mais precavida nessa situação é desligá-lo e se possível retirar a bateria.

Por mais que o aparelho tenha um bom fechamento em suas laterais ainda assim a água pode penetrar e atingir peças fundamentais do funcionamento do celular. Para se ter uma ideia em apenas 20 segundos o líquido pode atingir grande parte do interior do aparelho deixando-o perfeitamente úmido. Em casos de aparelhos resistentes à umidade, basta pegar um pano seco e passar no aparelho. Mas atente-se, alguns aparelhos são apenas resistentes à umidade e não à prova de agua, não vá mergulhar em piscinas ou qualquer outro ambiente com o celular. Pois quando mergulhamos, inicia-se um processo de pressão natural do ambiente que pode fazer com que a agua penetre no aparelho.

Mantenha o celular desligado

Depois de ter acontecido esse fato desagradável onde seu celular molhou, procure uma assistência técnica confiável. Assim que você salvou o seu aparelho retirando-o do líquido deve se preocupar com a secagem completa. E como ela demora o mais recomendável é manter o seu smartphone desligado, pois assim evita a possibilidade de que haja algum curto-circuito que provoque danos irreversíveis aos componentes internos do aparelho. Para que se seque em seu interior e não corra o risco de secar e a placa ficar oxidada, procure uma assistência técnica séria e confiável. Em outros posts já damos dicas de como escolher uma boa assistência técnica e não ter mais dor de cabeça que já esteja tendo.

Se estiver conectado ao carregador

Essa é uma das situações em que você deve redobrar a sua atenção e cuidados, pois se o seu aparelho está conectado diretamente ao carregador na tomada não deve em hipótese alguma retirar o aparelho da água para não correr o risco de sofrer um acidente pior, já que estamos falando de curto-circuito, ou seja, eletricidade propriamente dita.

Caso isso aconteça você deve desligar a energia do ambiente em que se encontra a tomada, assim com esse corte de fornecimento de energia eliminará os riscos maiores, inclusive de choques.

Mas não se esqueça de conferir com bastante atenção se toda eletricidade do ambiente está devidamente desligada. Para isso é só testar as demais tomadas e interruptores para ter certeza se eles não acendem.

Retire a bateria e os cartões

Antes de realizar a secagem direta do aparelho remova imediatamente tanto a bateria quanto os cartões e acessórios que ficam no interior do celular (SIM e Cartão de memória), pois como se sabe muitos dos seus dados pessoais importantes ficam armazenados justamente nesses cartões e assim você conseguirá mais facilmente recuperar os dados.

Feito isso procure retirar todas as coberturas e componentes que permitem sua fácil remoção (tampas e frestas). Quanto mais ventilado o aparelho conseguir ficar mais rapidamente ele irá secar.

Seque o aparelho

Para fazer a secagem do aparelho você pode contar com o auxílio de papel toalha, algodão e até mesmo aspirador de pó para agilizar o processo. Quanto mais você conseguir retirar a umidade do aparelho melhor, mas tenha cuidado para não pressionar os componentes que geralmente são mais sensíveis ao toque e quebrar a tela. Lembrando que essas ações são somente uma etapa que você pode fazer sozinho antes de levar o aparelho para o conserto de celular.

Conte com o auxílio do arroz

Há um mito que o arroz pode auxiliar na sucção da umidade. Se você tiver em um final de semana que não há possibilidades de se levar no conserto de celular rápido, tudo bem, se não fizer bem, mal também não fará, mas o arroz não possui nenhuma propriedade e poder para resolver seu problema. Não há nada comprovado que o arroz ajuda a solucionar o problema. O mais indicado como já falamos é encaminhá-lo para uma loja de conserto de celular o mais rápido possível e lembrar de não ligar o aparelho.

O que não se deve fazer quando o celular molha


Deixar o aparelho molhado por muito tempo

Existem casos em que pessoas que nunca enfrentaram uma situação como essa acabe deixando o aparelho molhado por muito tempo em algum lugar. Isso é um erro que deve ser evitado a todo custo.

Mesmo após a secagem completa que você tenha realizado continue leve o aparelho para uma manutenção em celular especializa, por mais que você seque, na parte onde não vemos nos aparelhos como a placa sempre ficará alguma umidade escondida e que vai oxidar e com o tempo pode queimar o aparelho. Mesmo que depois de molhado, o aparelho pode funcionar, mas quando ele molha o liquido entra pelas frestas, penetra em seu interior, e com o tempo forma uma crosta, chamada oxidação nos componentes, essa oxidação é condutora de eletricidade e quando ela aumenta, pode fazer com que dois componentes se interliguem pela oxidação e com isso fecha um curto no sistema eletrônico do aparelho, podendo ocasionar sérios riscos.

Não use secador de cabelo

Por ter encontrado o seu celular dentro da água você jamais deve fazer algo que muitas pessoas acabam realizando que é de utilizar um secador de cabelo para repelir toda a umidade.

Essa ação pode ser bastante prejudicial ao seu celular, principalmente se você utilizar o ar quente, já que ele poderá comprometer a tela do aparelho que não suporta altas temperaturas por muito tempo. Nem o ar frio é recomendável, pois pode fazer com que a umidade se torne cada vez mais inacessível penetrando em componentes mais profundos e pequenos, de modo que leve à corrosão e oxidação deles.

Esperamos que não passe por essa situação, mas se acontecer, seque o aparelho como conseguir ao máximo, retire a bateria e leve para assistência técnica em celulares o mais rápido que puder, quanto antes agir, mais chances terá de ter seu aparelho em perfeito estado novamente.

Se quer saber mais dicas sobre celulares e tudo que tá rolando em tecnologia, clique aqui.

Espero que esse artigo tenha esclarecido a respeito desse assunto. Qualquer dúvida é só utilizar os comentários abaixo.


11 visualizações0 comentário